OS NÚMEROS REDONDOS DA CRISE (AQUI HÁ GATO)

crisis, qual crisis
esta semana lanço um longo miau ao números sempre redondos das empresas multinacionais que combatem a crise da diminuição de lucros com despedimentos. É medonho, e até mesmo assustador, um verdadeiro crime contra a humanidade, capaz de criar mais pobreza do que uma grande guerra, e que é totalmente gerado pelos despedimentos em massa. É assombroso como os números são sempre bem redondos, não se despedem 9.341 pessoas, pois se isso acontecesse, ainda poderia evidenciar alguma leitura de que existia um suposto meticuloso pensamento moral por trás da tal necessidade de despedimento, e que que tinha sido bem analisado caso a caso, mas não... em vez disso, os números são sempre bem redondos. A Pionnier vai despedir 10.000 pessoas, nem uma a mais nem uma a menos. E são sempre estes números redondos que me assustam e fazem ver alguns despedimentos como crimes contra a humanidade que deixam de o ser, para tal basta colocar os óculos com as lentes graduadas da crise
Enviar um comentário

Mensagens populares