A palavra ótima não é uma óptima palavra

até o "scrable" fica mais pobre
como escritor, jamais assumirei, na minha escrita, as alterações previstas pelo novo acordo ortográfico, por as achar, na sua maior parte, descabidas e desnecessárias. O leitor terá em mim o "dêem" e "crêem" com o telhado necessário à casa do "e"; o óptimo e a facção... como palavras carregadas de consoantes belas que suspendem a língua atrás da boca; os nomes dos monumentos importantes, os edifícios, os pontos cardinais, as estações do ano, com a maiúscula que demonstra o gigante necessário à sua construção.
Orgulho-me de também ter sido um dos assinantes da petição que na próxima quarta feira será debatida por um parlamento adormecido e que já sabe a lição bem de cor
Saiba mais aqui
4 comentários

Mensagens populares