o tanque de lavar a roupa ii

«A Mãe chora de alegria ao ver a minha figura no espaço branco em cima das palavras/ e tudo à volta é fulgor/ e tudo à volta é/ e a Mãe aproxima o tanque, diz para não temer e que tudo faz parte de um sonho, tudo faz parte de um pesadelo, tudo faz parte de uma pequena e frágil bolinha de sabão/ à espera de rebentar...»
in A Casa de Al´isse


Enviar um comentário

Mensagens populares