Textos Mais Lidos

Outras Casas

Frase

Em breve...

Seguir por Email

Textualinos

Pesquisar neste blogue

Comentários

Recent Comments Widget for Blogger With Avatar For Blogger by Beautiful Blogger Widgets

 

 

+

 

os jogos da jarra



por entre as coisas da sala
há uma jarra cheia de água

os objectos que a perpassam
tomam um corpo arredondado a meio e esguio no alto
encerrando nela uma forma geometricamente descoordenada de existir

tomo-a como o centro de uma circunferência
e giro em redor como só os satélites o fazem
entre mim e as coisas, jogam-se, assim, novas formas de ver
o mundo que está no mundo

no lado diurno da circunferência
habitam os rostos e os objectos que me observam
aprisionados como os génios em lamparinas
ou secretas mensagens à deriva numa garrafa

no lado nocturno, habitam os olhares dos cegos
que, como borboletas, avançam na espiral do jogo
até as sombras da incerteza e as imagens descuradas do real
encherem o copo do poema
Carlos Vaz

1 comentários:

 

Um milhão de visitas

Este blog foi fundado em 13/01/05. Ao longo destes 8 anos passou um milhão de olhares pelos artigos e frases que aqui diariamente coloco. Já foi alvo de referência de vários órgãos de comunicação social, bem como de centenas de blogs e sites que visito ainda hoje com algum afecto. A todos um muito obrigado.

Contacto

vaz.correio@gmail.com