Textos Mais Lidos

Outras Casas

Frase

Em breve...

Seguir por Email

Textualinos

Pesquisar neste blogue

Comentários

Recent Comments Widget for Blogger With Avatar For Blogger by Beautiful Blogger Widgets

 

 

+

 

e eu que sou o carlitos



quando era bem mais novo, pensava que era a única pessoa existente no mundo com o nome Carlos Vaz.
Os amigos chamavam-me de “Vaz” e todos sabiam quem era sempre que pronunciavam esse nome, pois não existia outro na vila. O nome "Carlos" herdei-o do meu padrinho e "Vaz" vem de família - lá do passado.
Quando fui para a universidade fiquei muito feliz por conhecer mais dois, o meu professor de Literatura Portuguesa e o inconfundível Carlos Vaz Marques, com as suas imperdíveis entrevistas na TSF. Afinal não estava sozinho com o meu nome.
Mais tarde, com o aparecimento da “internet” descobri que ter o nome de Carlos Vaz é, afinal, a coisa mais usual, pois existem às centenas, há os Carlos Vaz: biotécnico, engenheiro, tuning, médico, treinador de futsal, jornalista, ministro, professor, vendedor, epidemiologista, director de markting, padeiro, etc.
Como vêem, existe todo um universo repleto de Carlos Vaz, podemos até afirmar que pessoas com este nome “são mais do que as mães”.
Estou já farto do nome, não o suporto. Mas a verdade é que não o trocaria por um outro.
Enquanto escrevia este texto ocorreu-me até uma brilhante ideia, fundar a Carlosvazlândia.
Afinal a Internet também serve para estas coisas
música retirada de: aqui.

0 comentários:

 

Um milhão de visitas

Este blog foi fundado em 13/01/05. Ao longo destes 8 anos passou um milhão de olhares pelos artigos e frases que aqui diariamente coloco. Já foi alvo de referência de vários órgãos de comunicação social, bem como de centenas de blogs e sites que visito ainda hoje com algum afecto. A todos um muito obrigado.

Contacto

vaz.correio@gmail.com