uma experiência pensada


imaginemos o sol quedo
incidindo para sempre no lado direito dos objectos
de modo que deles só conhecêssemos a metade que é a luz

por mais que nos situássemos desse lado
a sombra do que verdadeiramente somos
esticar-nos-ia sempre como um fio
até à elasticidade do lado esquerdo da noite

Carlos Vaz
Enviar um comentário

Mensagens populares