SÓ VÊ TV QUEM NÃO VÊ

há pelo menos ano e meio, deixei de ver completamente os ditos "canais generalistas". Digo completamente, sem nunca ter mais olhado para uma notícia, programa ou publicidade na caixinha que "empanturrou" o mundo.
Rendi-me aos canais da TVCABO - apesar de todos os defeitos que possamos apontar - principalmente às séries como DEXTER, MONK, CRIMINAL MINDS, etc., ou documentários como SEGUNDOS FATAIS, OBRAS INCRÍVEIS e que me ocupam os raros espaços em que me encontro sentado frente à televisão. Notícias, apenas as que escolho, quer on-line quer de manhã pela Euronews, onde realmente só conta o essencial.
Agora, com esta experiência, vos digo e recomendo: deixar totalmente os canais generalistas foi uma das melhores coisas que fiz para melhorar o meu estado de alma, no dia a dia. Para além de me sentir mais leve, mais sorridente, até mais instruído, informado, surgiu também em mim um prazer macabro sempre que alguém me fala de um programa televisivo ou de um apresentador qualquer, sentir-me sempre e totalmente fora do contexto televisivo. Na verdade uma coisa que constatei é que as pessoas ficam até algo chocadas com isso...
Esta é de facto uma experiência que recomendo vivamente. Conhecia muitos que já tinham passado por isso, mas uma coisa é ouvir dizer, outra é realmente experimentar. Assim vos recomendo: não sejais generalistas na vossa escolha, pois o geral, tal como é entendido pela televisão da globalização - e desculpem o termo - é uma valente MERDA. O melhor é ser-se singular na escolha, ser-se fiel a uma série, a um documentário, sem publicidade pelo meio. Se ainda não o fez faça-o agora e verá - tal como eu - que se sentirá bem melhor para o resto da vida
1 comentário

Mensagens populares