QUEM DIZ QUE OS HOMENS TÊM A VIDA FACILITADA?

quem diz que os homens têm a vida facilitada sempre que vão a uma casa de banho pública está muito enganado. Ao contrário das mulheres, que sempre que lá vão encontram uma sanita devidamente estandardizada e individualizada, com portinha e tudo, a ida de um homem ao quarto de banho faz-me sempre recordar a conhecida frase do filme Forrest Gump: “a vida é como uma caixa de chocolates, nunca sabemos o que lá pudemos encontrar”. Estou-vos a falar, principalmente, nos ditos urinóis que, segundo as mulheres pensam, nos facilitam tanto a vida. Mas não, não é bem assim, quando nós, homens, vamos ao mictório, por exemplo, de um centro comercial, geralmente encontramos os de dois tipos: o urinol de pia, uma espécie de “pia de porcos” em latão, onde todos os homens o fazem mostrando a sua arte de manusear a arma - esta não é aconselhável para os mais tímidos, como eu, que por mais que tentem pensar num rio ou numa torneira aberta, nada sai (geralmente, no meu caso, disfarço a coisa, insinuo a sacudidela tradicional, para que ninguém desconfie, lavo as mãos e saio apertadinho como entrei) - ainda neste primeiro tipo de urinóis, recentemente retiraram a protecção dos salpicos, por isso meninas, não olhem para os sapatos de quem foi à pia; o segundo tipo de mictório é totalmente ao contrário, onde são colocadas duas divisórias (quase parede) para que se tenha toda a privacidade do mundo, e se o mal do anterior era que todos estavam em cima do acontecimento, neste caso simplesmente não chegamos ao acontecimento, geralmente, quem é “largo de costas”, cabe à justa neste sítios, e não consegue evitar roçar nas paredes, algo duvidosas quanto à higiene, por todos lá entrarem de lado, e a mira, de tal distância, nem sempre ser a melhor… (continua)

1 comentário

Mensagens populares