Textos Mais Lidos

Outras Casas

Frase

Em breve...

Seguir por Email

Textualinos

Pesquisar neste blogue

Comentários

Recent Comments Widget for Blogger With Avatar For Blogger by Beautiful Blogger Widgets

 

 

+

 

LISTA DOS CALOTEIROS DO TEXTUALINO

a "coboiada" das listas do "faroeste" português
na minha terra, a lista de caloteiros intensificou-se ao ponto de se tornar assustador. Montras e montras com LISTAS DE DEVEDORES cujos dramas se desconhecem e que foram tornados públicos. Até os táxis carregam listagens de pessoas, os caloteiros, os calaceiros, assim se refere a eles a opinião pública, algumas dessas listagens chegam inclusive a situações mórbidas onde o nome de uma inteira família é trazido à baila, como no exemplo desta imagem, o JOÃO MARTINS, MAIS CONHECIDO PELO JÓJÓ, FILHO DA MARIA DA LOJA DOS MARTINS, e assim toda a família, pai, mãe, filho, etc., leva o WANTED da calotíce. O povo desconhece os dramas financeiros de cada caso, duvido que A ou B não paguem porque lhes apetece, há algo de mais sombrio por detrás destas listas. A asta pública do enforcado é hoje a do caloteiro, até o próprio Estado o pratica e tudo está justificado. Não acredito ainda que nenhuma voz do país se tenha levantado contra este linchamento público dos dramas financeiros de uma família inteira. Ainda me custa acreditar que quase todas as pessoas com que eu falei sobre o assunto achem correcta esta prática. Mas é claro que os comerciantes não devem suportar as calotices, isso concordo, mas melhor que as listas.... que deixem de vender fiado, se é essa a política que pretendem. Não meus amigos, não deverão colocar as listas do vexame familiar. Custa-me ainda a crer que nenhum partido político tenha levado este grave problema ao parlamento. Tanta merda para o divórcio, a educação, a gasolina, o socialmente correcto, a apoio à família, etc... e no final todo o nome de uma família é denegrida pelo nome de uma lista...
 

Um milhão de visitas

Este blog foi fundado em 13/01/05. Ao longo destes 8 anos passou um milhão de olhares pelos artigos e frases que aqui diariamente coloco. Já foi alvo de referência de vários órgãos de comunicação social, bem como de centenas de blogs e sites que visito ainda hoje com algum afecto. A todos um muito obrigado.

Contacto

vaz.correio@gmail.com