A desgraça branca do pós-apartheid

a estranha "desgraça" de um professor universitário
o último filme de Steve Jacobs, baseado num romance de J.M. Coetzee, conta-nos a história de um professor universitário (papel levado a cabo por John Malkovich), já farto da rotina e do desinteresse geral dos alunos pela disciplina que lecciona, Poesia Romântica. Este professor desprovido, também, de romantismo, procura essencialmente o gozo sexual que o move numa atracção por uma aluna. O caso toma o seu caminho puritano do qual o professor não procura fazer parte. Assumindo-se logo como culpado, despede-se e parte para o interior de África do Sul ao encontro da sua filha, onde se envolve numa caótica trama cuja teia o prende a um espaço de impossibilidade de acção face à violência decorrida durante a apropriação de terras. O amor pela filha leva-o à desgraça e à incapacidade de acção, cujos contornos caracterizam a desgraça branca na política do pós-apartheid
Enviar um comentário

Mensagens populares